Curiosidades sobre a Ilha Acaray

Recentemente eu fiz o passeio Iguassu River, que me fez ficar mais interessada sobre a Ilha Acaray, então resolvi realizar algumas pesquisas para conseguir contar melhor sobre as lendas e histórias que essa misteriosa ilha nos trás!

Ilha Acaray Ciudad Del Este 4

Algo interessante que nem os próprios iguaçuenses tem muito conhecimento sobre, que é aquela ilha redonda que sempre admiramos quando atravessamos a ponte da amizade, é um vulcão! Isso mesmo, na construção da ponte, os engenheiros que realizavam estudos e durante a avaliação do solo, perceberam uma grande infiltração de água nas rochas e resquícios vulcanico, então um estudo levado a cabo por um grupo de europeus e sul-americanos,  chegaram a conclusçao que realmente a Ilha Acaray é um vulcão adormecido de milhares de anos, (aprox 60 milhões de anos) que nunca chegou a erupcionar. E que ela mantinha uma cratera, "é uma veia vulcanica". Para entendermos isso melhor, no núcleo do nosso planeta é puro fogo com um calor incalculável composto de vários metais derretidos, isso torna o planeta praticamente como uma panela de pressão querendo explodir, e quando encontra uma rachadura ou uma espécie de uma veia, por ali saem às lavas vulcânicas e ao sair entra em contato com o oxigênio recebendo um choque térmico e isso ocasiona a petrificação, ou seja, se torna uma pedra. No caso da Ilha, ela não chegou a erupcionar e se tornou uma grande bolha vulcânica que hoje raramente vai entrar em ação, mas não é impossível de acontecer. O que ainda causa um certo medo em seus vizinhos. 

Ilha Acaray Ciudad Del Este 5

Em tupi, Acaray é uma homenagem a tribo indígena dos Acarayenses, nativa da região e devastada pelos espanhóis. Por sua vez, o nome em português vem da grande variedade de serpentes. Conhecida na região pelo nome de Ilha das Cobras, o seu interior é possível ser encontradas várias espécies de serpentes que são trazidas pelas enchentes e se obrigam a ficar ilhadas. Sua vegetação é um exemplo da "Mata Atlântica". No seu interior poderá existir algumas espécies pouco conhecidas, principalmente insetos. 

Ilha Acaray Ciudad Del Este

A lenda: Que nela vivia uma donzela indígena de uma beleza nunca visto antes. Todos os homens da comunidade eram loucamente apaixonados por "ELA". Para sua segurança ficava na parte mais alta da ilha. E o resto da comunidade vivia nas margens dos Rios Acaray que esta do lado paraguaio e do Rio Paraná . Somente homens de muita confiança podiam aproximar-se da ilha, mas chegar até a "Linda Índia" de nome "JUPIRA" , era privilégio somente dos pais. Ela nunca amou a ninguém, e até hoje permanece ali aguardando pelo primeiro e talvez seu eterno "AMOR". 

Ilha Acaray Ciudad Del Este 3

Mais uma curiosidade é que a Marinha brasileira colocou à venda, por R$ 1,455 milhão. A ilha de Acaray está em território nacional e nunca foi utilizada pela Marinha. Segundo o capitão-de-corveta Ubiraci Vicente Torres Alves, o edital de licitação para concorrência pública, publicado maio de 1995, foi uma determinação do Ministério da Marinha. Ambientalistas de Foz do Iguaçu criticaram a decisão. A venda da ilha poderia significar ao país ''perder parte da soberania nacional, pois estrangeiros poderão adquirir uma área do Brasil". A ilha, de 313 mil m2 é habitada por répteis, insetos e pequenos mamíferos e é totalmente coberta por vegetação nativa. O capitão-de-corveta Torres Alves não quis comentar as críticas dos ambientalistas. Segundo ele, "cada um se manifesta da maneira que quer". A avaliação de R$ 1,455 milhão, preço mínimo para a ilha, foi feita, segundo Torres Alves, pelo SPU (Serviço Público da União), que cuida do levantamento do patrimônio da União. A venda foi tentada três vezes, entre 1995 e 1996.

(Fonte: Folha de S. Paulo, artigo publicado: sexta-feira, 2 de junho de 1995). 

Felizmente, essa história não foi adiante! Apesar de boatos que os Estados Unidos se interessou, a Ilha continua pertencendo ao Brasil e não está mais a venda.